Crescimento marca ano de 2015 para Hospital São Camilo

Expansão da estrutura consolida a Instituição e beneficia moradores das três regiões paulistanas: Pompeia, Santana e Ipiranga

Compartilhe

Receba nossa newsletter
Novembro de 2015 Edição do Mês

Da Redação


 

 

O ano de 2015 foi desafiador para as empresas, mas a Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo superou todas as adversidades e cresceu. A Instituição investiu em infraestrutura e na expansão de áreas e serviços para oferecer aos pacientes das Unidades Pompeia, Santana e Ipiranga um atendimento cada vez mais humanizado, seguro e de qualidade.

Na Pompeia, as mudanças vieram com a ampliação da Unidade e um novo prédio com, aproximadamente, 10 mil m2, divididos em dez andares e cinco pisos de garagem. A nova torre conta com 86 leitos, sendo 72 quartos individuais e 14 leitos de UTI, seis salas cirúrgicas e 104 vagas no estacionamento. Com a ampliação, a Unidade Pompeia passou de 280 para 370 leitos, um aumento de 30% na capacidade de ocupação. Além disso, o Pronto-Socorro Infantil passou a ter mais cinco consultórios, quinze leitos de observação, sendo um de isolamento, e três postos de triagem. Houve ainda ampliação da área de recepção e da área reservada para procedimentos e para medicação dos pacientes.

Já na Unidade Santana, o novo Pronto-Socorro Infantil passou a dispor de cinco consultórios, quinze leitos de observação, sendo um de isolamento, e três postos de triagem. Houve ainda ampliação da área de recepção e da área reservada para procedimentos e para medicação dos pacientes. Outra novidade foi a ampliação do Centro Médico, local dedicado ao atendimento especializado em mais de 40 áreas, como Ortopedia, Urologia, Cardiologia, Ginecologia, Cirurgia Geral, Neurologia e Oncologia. Com a reforma, o atendimento foi ampliado em 50%, passando de mais de 8,7mil por mês, em 2014, para 10 mil por mês, em 2015.

A Unidade Ipiranga passa por uma revitalização que visa posicioná-la como uma das referências hospitalares na região. A fachada do prédio foi totalmente reformulada para traduzir essas mudanças. A obra que está sendo realizada no Pronto-Socorro vai ampliar a área em 40%. O projeto prevê um espaço físico maior para realização de atendimentos de urgência e emergência, reformulação dos consultórios, ampliação da área de medicação e dos leitos de observação e isolamento. Para completar as mudanças, será inaugurado, ainda este ano, um Centro Médico de Especialidades.

Outra novidade da Rede em 2015 foi a implantação do Prontuário Eletrônico do Paciente (PEP), nas três Unidades (Pompeia, Santana e Ipiranga). Com o novo sistema, todo o processo de cuidado ao paciente passa a ser suportado por uma ferramenta informatizada, proporcionando, assim, mais segurança e agilidade ao paciente e aos profissionais da saúde.

Por priorizar a qualidade no atendimento, seguir as melhores práticas hospitalares e os mais rígidos protocolos de segurança do paciente, a Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo soma as principais certificações internacionais de qualidade nacionais e internacionais: Joint Commission International (JCI), certificadora dos Estados Unidos reconhecida mundialmente no setor, certificado Diamante da QMentum International da Accreditation Canada e a Organização Nacional de Acreditação (ONA) - Excelência nível III.

Para Fabio Tadeo Teixeira, diretor Geral da Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo, tais conquistas são de extrema relevância e fruto de um planejamento estratégico bem detalhado. “Em 2015, podemos dizer que alcançamos muitos objetivos que estavam traçados. O crescimento da Rede faz parte de um planejamento estratégico macro traçado em 2013 e segue as diretrizes de qualidade assistencial, compromisso social e comprometimento com a segurança do paciente, eficiência e humanização”, explica Teixeira.


 

Notícias Relacionadas